Inscrições abertas para as 1ª JAD

Encontram-se já abertas as inscrições para a participação nas 1ª Jornadas do Associativismo Desportivo – Inovação e Empreendedorismo. Reforçamos que a data limite para o envio de resumos de trabalhos propostos para comunicações livres termina já a 25 de Novembro de 2011.

Se a sua pergunta neste momento é… Como me posso inscrever?
– Preenchimento da Ficha de Inscrição existente no Folheto das 1ª JAD e respectivo envio em formato digital para o endereço electrónico [email protected] Em alternativa a inscrição poderá ser efectuada por e-mail simples, desde que sejam referidos todos os dados que são pedidos na Ficha de Inscrição.
– Em qualquer dos casos, a inscrição apenas será confirmada após o envio em anexo do comprovativo do pagamento do Valor de Inscrição.

Venha discutir connosco o Associativismo Desportivo e as suas potencialidades no Algarve. Contamos com a sua presença nas 1ª JAD!

Folheto das 1ª JAD

Jornadas do Associativismo Desportivo: Comunicações Livres

As 1ª Jornadas do Associativismo Desportivo – Inovação e Empreendedorismo, que terão lugar no Auditório do Museu de Portimão no dia 1 de Dezembro de 2011, vão ter um espaço de destaque para a apresentação de Comunicações Livres sob a forma de posters científicos. Os interessados deverão submeter o resumo da comunicação livre até ao dia 25 de Novembro para apreciação pela organização das Jornadas.

Abaixo poderá consultar as normas de envio dos resumos de comunicações livres, o formulário para envio de resumos e as normas para a apresentação de posters nestas jornadas.

Normas para envio de Resumo de Comunicação Livre

Formulário para envio de Resumo de Comunicação Livre

Normas para apresentação de Poster Científico

Jornadas do Associativismo Desportivo

A Teia D’Impulsos – Associação Social, Cultural e Desportiva, realiza no próximo dia 1 de Dezembro as 1ª Jornadas do Associativismo Desportivo, subordinadas ao tema Inovação e Empreendedorismo, que têm como principal objectivo debater a problemática do desporto no meio associativo, bem como discutir e delinear estratégias para a promoção de mais e melhor desporto a nível local. Esta iniciativa destina-se a todos os atletas, treinadores, dirigentes desportivos, professores e alunos de educação física, assim como a todos os agentes do desporto.
Do programa científico das 1ª Jornadas do Associativismo Desportivo destacam-se as comunicações do Prof. Dr. José Manuel Meirim, subordinada ao tema da informação jurídica na vida de uma associação desportiva, e do Prof. Dr. Rui Lança acerca dos hábitos de formação dos dirigentes de associações desportivas. Na mesa redonda onde vão participar representantes do Instituto de Desporto de Portugal (IDP), da Câmara Municipal de Portimão (CMP), do Instituto Superior Manuel Teixeira Gomes (ISMAT) e de uma associação desportiva, será tema de discussão o financiamento e a sustentabilidade das associações desportivas, tendo em conta os condicionalismos económicos actuais.
As 1ª Jornadas do Associativismo Desportivo terão ainda uma importante componente interactiva, onde todos os participantes são convidados a participar activamente em Grupos de Trabalho onde serão discutidas diversas temáticas referentes à gestão das associações desportivas.
As 1ª Jornadas do Associativismo Desportivo – Inovação e Empreendedorismo, terão lugar no Auditório do Museu de Portimão, com início às 9 horas do dia 1 de Dezembro. A participação está sujeita a inscrição prévia através do preenchimento do respectivo boletim de inscrição que deverá ser remetido para [email protected]

Mais informações abaixo:

Cartaz das 1ª JAD

Folheto das 1ª JAD

Teia D’Ideias na imprensa

A Agência de Informação Lusa esteve presente no 2º episódio da Teia D’Ideias. O debate “Segurança em Portimão – Uma garantia de desenvolvimento” colocou o projecto da Videovigilância em Portimão de novo na ordem do dia.
Reproduzimos de seguida o conteúdo da notícia publicada:

” PSP DE PORTIMÃO DEFENDE VIDEOVIGILÂNCIA COMO AUXILIAR IMPORTANTE NO COMBATE À CRIMINALIDADE

O comissário da PSP de Portimão defendeu a instalação de sistemas de videovigilância em zonas de grande afluxo de pessoas como “auxiliares importantes” na prevenção e combate à criminalidade, permitindo maior rigor na gestão dos efetivos policiais.
“A videovigilância é um auxiliar extremamente eficaz e que permite fazer uma gestão melhor dos efetivos”, disse Carlos Pinto, durante um debate promovido na quarta-feira à noite, em Portimão, e no qual participaram o diretor da Polícia Judiciária de Faro, o comandante do destacamento da Guarda Nacional Republicana (GNR), do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), magistrados e a coordenadora de reinserção social.

Durante a sua intervenção no debate promovido pela associação Teia d’Impulsos, o responsável pela PSP de Portimão assegurou que “não irá abrir mão dos recursos tecnológicos, auxiliares importantes no combate à criminalidade”, principalmente na zona comercial e na Praia da Rocha”, importante destino turístico do concelho.
“Dadas as características da cidade, cuja atividade principal é o turismo, temos que utilizar todos os meios que possam contribuir para aumentar o sentimento de segurança dos visitantes”, destacou o comissário da PSP.
Carlos Pinto observou que os “casos ocorridos no Algarve têm sempre maior repercussão a nível mundial do que os registados noutros pontos do país”.
Portimão foi um dos primeiros municípios do Algarve a apresentar um projeto para a instalação de 20 câmaras de videovigilância na Praia da Rocha, mas o mesmo viria a ser chumbado pela Comissão Nacional de Proteção de Dados.

As autoridades policiais e a autarquia asseguram que “vão manter a pretensão e reformular uma segunda proposta de 20 câmaras na Praia da Rocha e oito na Rua do Comércio”, no centro da cidade.
“Se o segundo projeto for recusado, avançaremos para um terceiro e depois um quarto, até que o sistema seja implementado”, assegurou o comissário Carlos Pinto.
O investimento previsto com a instalação do sistema de videovigilância ascende a cerca de 700 mil euros, verba que será incluída já no orçamento autárquico para 2012.

De acordo com os responsáveis pela segurança no concelho de Portimão, apontando para dados estatísticos, “houve uma diminuição da criminalidade, apesar de se terem registado alguns casos de grande visibilidade na região que possam levar a pensar o contrário”.
“Gostaríamos de ter mais efetivos para manter essa segurança e um maior policiamento de proximidade”, defenderam todos os intervenientes no debate que têm a seu cargo a segurança do concelho.
Para o capitão Carlos Bengala, comandante do destacamento de Portimão da GNR, “ter mais recursos seria melhor, já que a vasta área a policiar obriga a um fracionamento dos recursos existentes”. ”

Segurança em Portimão: o 2º Episódio da Teia D’Ideias

“Segurança em Portimão – Uma garantia de desenvolvimento” foi o mote que motivou o debate de ideias na Casa Manuel Teixeira Gomes na noite de 9 de Novembro.
O 2º Episódio da Teia D’Ideias, em mais uma iniciativa da Teia D’Impulsos, em parceria com a Câmara Municipal de Portimão, a Rádio Costa D’Oiro e a ETIC Algarve, levou os Portimonenses a reflectir acerca dos problemas de insegurança da cidade, com o apoio de um painel onde marcaram presença representantes das diversas forças de segurança com actividade no município.
Com a moderação de Nuno Silva, o painel constituído pela Dra. Francisca Neves (Procuradora da República no Tribunal de Família e Menores de Portimão), pelo Dr. Luís Mota Carmo (Director da Polícia Judiciária do Algarve), pelo Comissário Carlos Pinto (Comissário do Comando da Divisão Policial de Portimão), pelo Capitão Carlos Bengala (Comandante do Destacamento Territorial de Portimão da GNR), pela Dra. Isa Gomes (Coordenadora da Equipa de Reinserção Social do Algarve) e pelo Dr. Rogério Gonçalves (Inspector-Adjunto Principal do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras, Delegação de Portimão), começaram por efectuar o retrato actual desta problemática a nível local, salientando o papel que cada uma das forças de segurança que representam desempenha no assegurar do direito à Segurança a todos os cidadãos.
Entre os temas abordados salienta-se a importância do policiamento de proximidade, o projecto de videovigilância em Portimão e as suas potencialidades, a intervenção nas bolsas de insegurança identificadas na cidade ou o papel do cidadão na denúncia da criminalidade.
O 2º episódio da Teia D’Ideias estará em destaque nas edições de 10/11 e de 17/11 do programa “Impulso” onde será transmitido na íntegra, na Rádio Costa D’Oiro (106.5 FM) à Quinta-feira entre as 20h e as 22h.

Segurança em Portimão em Debate de Ideias

A Teia D’Impulsos, em parceria com a Câmara Municipal de Portimão e a Rádio Costa D’Oiro, apresenta a segunda edição do ciclo de debates Teia D’Ideias, que vai decorrer no próximo dia 9 de Novembro às 21h na Casa Manuel Teixeira Gomes em Portimão. O assunto em análise será: “Segurança em Portimão – Uma garantia de desenvolvimento”. Consideramos que a segurança dos cidadãos é uma condição fundamental para garantir o bem-estar da população e consequentemente contribuir para o seu desenvolvimento social e económico. Com o contributo dos representantes de várias forças de segurança neste debate, pretende-se caracterizar o retrato actual dos problemas de insegurança na cidade, com o principal intuito de discutir que estratégias possam ser tomadas para modificar a situação actual. Esta 2ª edição da Teia D’Ideias contará com a presença no painel de discussão da Dra. Francisca Neves (Procuradora da República – Tribunal de Família e Menores de Portimão), do Dr. Luís Mota Carmo (Director da Polícia Judiciária do Algarve), do Comissário Carlos Pinto (Comissário da PSP de Portimão), do Capitão Carlos Bengala (Comandante do Destacamento Territorial de Portimão da GNR) e da Dra. Isa Gomes (Coordenadora da Direcção Geral de Reinserção Social). O encontro está aberto a todos os interessados, que poderão assistir ao vivo e participar activamente no debate. A entrada é livre.

Folheto Teia D’Ideias