Uma visão inesperada de Portimão

A noite de 11 de Abril na Casa Manuel Teixeira Gomes ficou marcada por uma diferente visão sobre Portimão. Os convidados do 7º episódio da Teia D’Ideias, originários das mais diferentes latitudes, deixaram-nos testemunhos muito interessantes acerca da sua experiência com esta cidade. Contámos com a presença no painel de discussão de Clive Jewell e Ana Sofia Bono (Consulado Britânico), Michael Reeve (AFPOP – Associação de proprietários estrangeiros em Portugal), Fiona Tannock (Inglaterra – Proprietária de escola de Inglês para crianças HELEN DORON), Manfred Kickmaier (Áustria – Chef Executivo de restaurante do Vila Vita Park Hotel) e Retha Scheffer (Rodésia – Esteticista).
Quem não teve a oportunidade de estar presente na Tertúlia, pode ainda acompanhá-la em diferido na íntegra nas edições de 12 e 19 de Abril do programa Impulso, entre as 20 e as 22h, na Rádio Costa D’Oiro (106.5 Fm). Salientamos no entanto algumas ideias que este ilustre painel de convidados deixou para a cidade de Portimão e para o Algarve, de forma a torná-los um destino ainda mais atractivo: melhoria do sistema de transportes públicos entre cidades, maior aposta do portimonense naquilo que é da cidade, apostar e desenvolver o centro da cidade e a parte histórica como oferta ao turismo, reduzir os custos aos visitantes da cidade, por exemplo proporcionando as primeiras 2 ou 3h de parqueamento automóvel gratuito, promover os restaurantes mais típicos da cidade que representam a gastronomia algarvia, implementar iniciativas que animem e chamem as pessoas ao centro da cidade, renovar os espaços públicos e promover os espaços verdes para usufruto das famílias e dos jovens.

A Teia D’Impulos agradece mais uma vez a todos os seus parceiros do Teia D’Ideias, com um destaque muito especial ao Tapas & Wine Bar by Cheff Guram, que coloriu e deu outro sabor à pausa para café da tertúlia. O 8º episódio deste ciclo de debates é já no próximo dia 9 de Maio e será subordinado ao tema: “Produtos da nossa Terra – Uma riqueza sócio-económica”.

Nota de Imprensa 12-2012